Influenciadores do WhatsApp? Sim, eles existem, e as marcas já estão fazendo parcerias para vender mais!

Influenciadores(as) no Instagram? Cada dia tem mais! Influenciadores(as) no YouTube? Os(as) primeiros a aparecer! Mas você já ouviu falar dos(as) influenciadores(as) do WhatsApp? Essa é a última tendência das marcas para engajar e vender mais para seu público-alvo. Veja como funciona.

Sim, existem os(as) influenciadores(as) no WhatsApp! Entre os criadores, este é um tema novo e na moda. Já até existem cursos que ensinam às pessoas como aumentar seu número de seguidores no WhatsApp e empresas dedicadas a gerenciar grupos dos seguidores no WhatsApp. E marcas como Dior e Adidas também começam a se dar conta que influenciadores em apps de mensagens podem ser uma poderosa ferramenta de marketing.

A seguir, explicamos o que são os influenciadores(as) do WhatsApp, como as empresas estão usando-os(as) para se conectar com seus clientes, para aumentar a fidelização e até mesmo para vender mais.



O crescimento de influencers nos apps de mensagens

Em termos gerais, um(a) influenciador(a) é uma pessoa com autoridade, conhecimento ou experiência em um determinado assunto.

Os(as) influenciadores(as) mais conhecidos(as) são os das redes sociais que, em plataformas como Instagram ou YouTube, construíram um segmento ao longo dos anos. Os(as) influenciadores(as) brasileiros(as) mais famosos(as) têm milhões de fãs e geram receitas milionárias.

É tanto engajamento que não demorou muito para as marcas começarem a trabalhar com esses profissionais. Isso porque os influencers criam tendências e incentivam seus seguidores a comprar os produtos que eles recomendam.

É importante ter em mente que os influenciadores não são apenas uma ferramenta de marketing, mas um ativo de relacionamento que as marcas têm que cultivar. E embora as marcas tenham trabalhado com influenciadores em plataformas como Instagram durante anos, influenciadores em apps de mensagens são a nova tendência do marketing digital.

No Discord, app de jogos já usado por 18% dos(das) brasileiros(as) com smartphone, jogadores populares criam “servidores” para interagirem com seus seguidores em tempo real. Já o app Clubhouse, que foi teve um momento de grande fama em 2021 no Brasil, basicamente gira em torno dos influenciadores com sua proposta de ser uma plataforma de canais para influencers. Por fim, o app Community, criado pelo ator Ashton Kutcher, cresceu de forma semelhante, ao compartilhar o número de telefone de pessoas famosas para um contato “real”.

E qual o novo app de mensagens para o qual influenciadores e marcas começam a migrar? Simplesmente o mais usado do mundo, o WhatsApp. 


O que são os influenciadores do WhatsApp?

Embora o WhatsApp seja o app de mensagens mais popular do mundo, com dois bilhões de usuários, ele não é exatamente conhecido como um canal influenciador. Mas depois do sucesso dos influenciadores do Clubhouse e Discord, mais influenciadores começam a migrar para esse app.

📲Dica de leitura: Quer saber quais os apps de mensagens mais usados no Brasil além do WhatsApp? Saiba aqui quais são e veja os números. 

Como os influenciadores constroem sua fan base no Whatsapp?

O diferencial do WhatsApp para influenciadores é ser um canal de comunicação mais prático e autêntico. Como o público também está cada vez mais cansado da artificialidade das redes sociais, apps de mensagens como o WhatsApp oferecem a eles uma forma mais “real” de ver conteúdo específico para seus gostos, apresentado por pessoas que eles admiram. Enquanto os Stories são o palco dos influenciadores no Instagram, no WhatsApp o “show” acontece no Status.

E como essa fan base é formada? Muitas vezes usando uma estratégia omnichannel (link nos Stories, por exemplo), os influenciadores compartilham um número para entrar em seus “grupos de Whats exclusivos”, local onde a interação vai acontecer. O grande apelo do WhatsApp em comparação com as redes sociais é ser um canal relativamente simples, já muito familiar e que promete com isso interação de verdade entre seguidores e influenciadores. A monetização do canal é feita pelo compartilhamento de posts pagos entre os conteúdos regulares.

Em alguns países africanos, por exemplo, o modelo é tão popular que alguns influenciadores do WhatsApp já têm 50 mil ou até 150 mil seguidores.

🧑‍🏫 Leia como a Digify Africa usa o WhatsApp para enviar coteúdo educacional! (Case de estudo em inglês)

E falando em #publis, para as marcas, esta nova tendência abre muitas novas possibilidades interessantes.


Como as empresas ganham com parcerias com os influenciadores no WhatsApp

As marcas estão começando a reconhecer que precisam se afastar do estilo do marketing unidirecional e apostar em conversas personalizadas com seus clientes. Se as marcas realmente querem atingir seu público-alvo, elas precisam começar a conversar com seus clientes, não apenas mandar conteúdo para eles. O marketing conversacional leva ao verdadeiro engajamento, confiança e lealdade à marca, e também oferece às marcas novos insights sobre o que seus clientes realmente querem.

É aí que está o poder de aplicativos de mensagens como o WhatsApp!

Canal direto com dezenas de milhares de clientes potenciais

Os apps de mensagens são ideais para uma comunicação bidirecional, já que são configurados como uma ferramenta de bate-papo conversacional. Conversar com os clientes no WhatsApp acaba sendo… uma conversa natural com seu público-alvo. Consequentemente, há também um maior envolvimento, e a possibilidade de estabelecer um relacionamento mais confiável e duradouro com seus clientes.

Falar com seus clientes pelo WhatsApp e outros apps de mensagens significa estar nos canais onde eles já gostam de se comunicar. Se você juntar a isso o potencial dos influenciadores e sua base de seguidores, sua marca tem o potencial de atingir milhares de clientes interessados.

Fortalecendo a fidelização da marca de uma maneira que sua empresa sozinha não consegue

Ao mesmo tempo, os seguidores realmente confiam nos influenciadores que seguem. Portanto, se um influenciador apresentar os produtos de sua marca em seu canal WhatsApp, eles apostarão na recomendação desse influenciador.

É o tipo de confiança que é quase impossível para as marcas construírem por conta própria. Com a reputação do WhatsApp como uma plataforma influenciadora mais autêntica, esta confiança é ainda maior do que em outras plataformas de mídia social e pode ajudar muito a construir uma fidelização ainda mais forte da marca.

 95% de taxa de abertura: mande mensagens que seus clientes não vão ignorar

Como mencionado anteriormente, o WhatsApp não é somente o app de mensagens mais usado no mundo: ele também possibilita uma nova maneira para as empresas se conectarem com seus clientes. Ao começar uma conversa, o envolvimento do público é imediato.

O app também te dá acesso direto e exclusivo a seus clientes.

  • As mensagens do WhatsApp aparecem direto na tela de bloqueio do usuário;
  • As mensagens no WhatsApp têm uma taxa de abertura de 95%;
  • 80% dos(das) brasileiros(as) conversam com as marcas pelo WhatsApp;
  • 89% dos consumidores no mundo já dizem que prefere que as empresas os contactem por apps de mensagens;

Todo mundo abre e lê todas as suas mensagens no WhatsApp. Afinal de contas, no WhatsApp, você só recebe mensagens de pessoas da sua confiança. Isso faz do app um canal extremamente relevante.

Tim Horst, Expert em Marketing Digital da Trinity Concepts

Por fim, não podemos esquecer: o WhatsApp é também um canal de comunicação rico que permite experiências imersivas, incluindo imagens, vídeos, arquivos, figurinhas, mensagens de áudio ou links que mantêm sua audiência envolvida.

💡 Leia mais sobre todos os recursos que o WhatsApp tem a oferecer para sua empresa


Marcas que saíram na frente: como a Dior e a Adidas já estão usando os influenciadores no WhatsApp

Inovativa campanha da Dior com chatbots

Inovando no setor de luxo, a Dior fez uma parceria com Jisoo, influenciadora coreana, para uma campanha no WhatsApp. Para esta campanha, a Dior publicou um story com Jisoo convidando seus seguidores para seu grupo exclusivo no WhatsApp. A campanha e o grupo no WhatsApp tinham como alvo o novo batom Addict da Dior, cuja embaixadora é Jisoo.

O link no Instagram levava os clientes para uma página de cadastro para entrar no grupo do WhatsApp da influenciadora. As pessoas que se inscreveram conseguiam selecionar o tipo de conteúdo que queriam receber, como vídeos com imagens de bastidores e a experiência de Jisoo como embaixadora da Dior.

Por trás da campanha, a Dior desenvolveu um bot com IA para falar com os clientes de forma natural e humanizada.

Dior campaign with Jisoo on WhatsApp

Campanha da Dior no WhatsApp com Jisoo. (Fonte: Fashion Network)

Todos(as) os(as) inscritos(as) receberam um link exclusivo para comprar o batom. Assim, a Dior conseguiu fazer com que mais pessoas falassem sobre seu produto e impulsionar suas vendas.

A campanha inovadora foi possível graças à solução comercial do WhatsApp da Infobip. Uma “solução comercial do WhatsApp” é um software projetado especificamente para o uso profissional do WhatsApp (já que o aplicativo normal não pode ser usado para fins comerciais).

A solução comercial permite às empresas:

  • 👨‍⚖️ usar o WhatsApp de acordo com a LGPD;
  • 🤖 usar chatbots;
  • 💻 editar e responder às mensagens de forma centralizada e em equipe, direto do computador;
  • ✔️ conseguir uma conta verificada;

🤖 Saiba tudo sobre os chatbots no WhatsApp e como a automatização é o futuro da comunicação com seus clientes.

Entretanto, a Dior não é na verdade a primeira marca a reconhecer o poder das campanhas de influência do WhatsApp. Há outras iniciativas também.

Interessante campanha da Adidas com influenciador brasileiro

Adidas: Marketing de novas chuteiras com chatbot no WhatsApp 

Para sua nova linha de chuteiras Predator, a Adidas iniciou a campanha “Rent-a-pred”. Times de futebol amadores em Londres com um jogador faltando conseguem falar com a Adidas via chatbot para conseguir um jogador substituto.

adidas rent a pred whatsapp

Campanha no WhatsApp da Adidas Rent-a-Pred

O chatbot da campanha Rent-a-Pred usa PLN (Processamento de Linguagem Natural) para entender o idioma, datas, local e nomes dos times. Esta informação é usada para enviar o jogador substituto para a partida. Plot twist: Com um pouco de sorte, pode acontecer do jogador substituto escolhido pela Adidas ser o Kaká.

Na imagem do clip abaixo, jogadores do time de futebol society Reach Out FC se surpreendem ao saber que o jogador substituto é o campeão mundial Kaká.

Campanha de Marketing da Adidas no WhatsApp

Campanha de Marketing da Adidas no WhatsApp

 

A campanha nos deu a oportunidade de construir um relacionamento direto com nossa comunidade. Foi mais uma troca do que apenas uma transmissão.

Laura Coveney, Relações Públicas da Adidas de Londres

💡 Dica: Se você quer saber mais sobre os bots de IA, confira como a Chatlayer by Sinch desenha chatbots mais próximos de uma interação real do que nunca!

Ambas as campanhas foram muito bem recebidas pelo público e ajudaram as duas marcas não apenas a aumentar a sua visibilidade, mas também a se conectar mais com seus clientes. No caso da Dior, ao adicionar um link especial de compra ao canal WhatsApp, ela também impulsionou as vendas.

A comunicação direta da stylink com influenciadores

Essa plataforma europeia tem uma abordagem um pouco diferente. A stylink conecta lojas com influenciadores. Ela ajuda os influenciadores a criar links de afiliação que podem compartilhar em suas redes sociais.

A stylink notou que os influenciadores com quem trabalhavam enviavam cada vez mais perguntas sobre o WhatsApp, e até preferiam receber seus links de afiliados no chat, pois achavam mais fácil acessar informações. A apartir daí, a stylink passou a usar o WhatsApp como canal oficial para falar com os(as) influenciadores(as).

Com o Instagram Direct, os influenciadores tinham dificuldade em achar todas as informações. Eles preferem o WhatsApp!

Michael Elschenbroich, Diretor de Operações da stylink

Mais um exemplo do potencial do WhatsApp para trabalhar com influenciadores(as).

Campanha do próprio WhatsApp com influenciadores(as)

A própria empresa WhatsApp também entrou na onda da parceria com influenciadores.

Em 2021, o WhatsApp se uniu com os influenciadores Hugo Gloss, Pequena Lô e Thelminha de Assis para conscientizar o público sobre segurança no aplicativo.

campanha do whatsapp com influenciadores

Campanha do WhatsApp com influenciadores(as) sobre segurança digital. (Fonte: B9)

Em vídeos curtos, os influenciadores deram dicas de como não cair em golpes do WhatsApp. O objetivo era lembrar o público das ferramentas que o WhatsApp já tem para evitar golpes (código de ativação e verificação em duas etapas) e suspeitar de ações suspeitas de outros usuários (números desconhecidos pedindo dinheiro, por exemplo).


Como começar com sua primeira campanha com influencers no WhatsApp

Não são apenas as grandes marcas que podem lançar uma campanha de influência de sucesso no WhatsApp. Pequenas e médias empresas também podem contar com os provedores oficiais do WhatsApp para fazer suas campanhas.

Tudo que você precisa fazer é configurar um número WhatsApp separado para sua campanha e ter aderido a uma solução comercial (software). Na solução comercial você ou o influenciador gerenciam todas as mensagens recebidas de forma centralizada. Tem até a possibilidade de integrar chatbots.

Importante: O acesso às soluções comerciais só é possível por meio dos provedores oficiais, como a MessengerPeople.

A MessengerPeople trabalha diretamente com Meta, desenvolvendo soluções de software que permitem não apenas campanhas com influencers, mas também outros recursos. O software da MessengerPeople se chama Messenger Communication Platform e com ele você pode:

  • 👨‍⚖️ … usar o WhatsApp Business API – e outros apps de mensagens de acordo com a LGPD;
  • 🚀… começar sem a necessidade de TI e no menor tempo possível – até mesmo com uma configuração “work-from-home“;
  • 🗞️ … usar nossa ferramenta MIA para enviar newsletters a seus assinantes;
  • 💻… editar e responder a todas as mensagens de forma centralizada – não importa de qual app de mensagens;
  • ↔ … atribuir a seus atendentes as solicitações na forma de tickets de forma manual ou automática via auto roteamento;
  • 🤖 … automatizar com chatbots usando nosso simples e gratuito Chatbot Builder;
  • ⬆️ … aumentar sua eficiência respondendo seus clientes a partir de templates pré-configurados;
  • 💰 … usar os principais apps de mensagens (WhatsApp, Messenger, Instagram, etc) sem taxa de instalação e a um preço justo para conquistar o melhor do atendimento digital pessoal;
YouTube

By loading the video, you agree to YouTube's privacy policy.
Learn more

Load video


Quer ver outros exemplos de empresas que já usam o WhatsApp com sucesso? Baixe agora nosso Guia Definitivo com nossos 20 melhores cases!

Guia definitivo de negócios com o WhatsApp

Baixe agora!


Quer saber mais sobre as vantagens de se comunicar com seu cliente por apps de mensagens? Mande uma mensagem pra gente!

Fale com a gente


Outros artigos sobre o tema

chatbots in customer service